Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
800 casos de varíola dos macacos estão sendo investigados em MG
01/09/2022 14:49 em Tecnologia

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) investiga 800 casos suspeitos de Monkeypox – varíola dos macacos – em Minas Gerais. Dados do boletim epidemiológico desta terça-feira (30) apontam ainda que, até o momento, 277 pessoas foram diagnosticadas com a doença no estado. Os exames foram confirmados pela Fundação Ezequiel Dias (Funed).

Os pacientes que deram positivo para a doença têm entre 18 e 61 anos. Dos 277 casos, 274 são do sexo masculino e três do feminino. Além disso, um deles, que não teve idade divulgada, segue internado por “necessidades clínicas”. Os diagnosticados com a doença estão sendo monitorados pelas Secretarias Municipais.

Até então, segundo a pasta, não foi registrada nenhuma infecção em primatas – macacos e símios – com a doença. A secretaria destaca que “maltratar ou agredir animais é crime previsto em lei”.

Belo Horizonte segue com mais diagnósticos para a doença, com 209 casos confirmados, seguido por Uberlândia (20) e Pouso Alegre (10). Os demais casos estão nos seguintes municípios: Governador Valadares (7), Juiz de Fora (7), Sete Lagoas (4), Montes Claros (4), Uberaba (3), Coronel Fabriciano (2), Teofilo Otoni (2), Divinópolis (2), Barbacena (1), Itabira (1) e Passos (1).

Apenas na capital, houve registro de transmissão comunitária, quando o paciente não esteve fora do país e contraiu a doença. (Itatiaia)

COMENTÁRIOS